Minerais essenciais para o corpo

Para uma alimentação saudável e equilibrada é necessário focar nos nutrientes dos alimentos, o que seria os minerais e vitaminas.

E hoje vamos citar alguns minerais que são fundamentais para o correto funcionamento do corpo.

Zinco

Esse talvez seja o mineral mais desconhecido pelas pessoas.

Não é atoa que quase metade da população tem uma dieta pobre nesse nutriente. O zinco atua na regulação de inúmeras funções corporais, de modo que a sua falta provoca uma série de problemas que, em geral, são atribuídos a outras causas.

Além disso, o zinco é um ótimo viagra natural, pois ele ajuda a nossa saúde reprodutiva, contribuindo para a fertilidade de homens e mulheres.

Ferro

O ferro é um outro importante mineral. Ele atua principalmente na síntese (fabricação) das células vermelhas do sangue e no transporte do oxigênio para todas as células do corpo.

Entretanto, a ingestão em excesso desse mineral pode ser tóxica ao organismo. As necessidades diárias de Ferro, variam conforme a idade, o sexo e a fase fisiológica da vida de cada indivíduo.

Conforme as recomendações dietéticas internacionais, os homens adultos necessitam de 10 mg/dia, as mulheres adultas requerem 15 mg/dia, gestantes requerem 30 mg/diárias, e nutrientes de 16 a 19 mg/dia. As necessidades de crianças variam de 6 a 12 mg/dia.

Cálcio

O cálcio é um dos minerais mais importantes no auxílio a maximização da massa óssea, além de contribuir também para a prevenção de riscos de desenvolvimento de osteoporose e de fraturas na vida adulta e terceira idade.

O cálcio é o mineral mais abundante no organismo, representando cerca de 1,5 a 2% do peso total do corpo, e está concentrado (99%) nos ossos e nos dentes.

Além disso, o cálcio é ótimo para a saúde da pele, pois ele é considerado regulador chave na epitelização, também está relacionado com a cicatrização.

Magnésio

Pouco se fala no magnésio.

Mas ele é muito importante para melhorar o desempenho físico, porque é importante para a contração muscular, prevenir a osteoporose, porque ajuda a produzir hormônios que aumentam a formação do osso.

Além disso, o magnésio ajuda a controlar a diabetes, porque regula o transporte do açúcar. E por último, o magnésio diminui o risco de doença coronária, pois pode diminuir o acumulo de placas de gordura na parede das artérias.

A ingestão recomendada de magnésio é de 320 a 420 mg diariamente. Alimentos como leite, iogurte, espinafre, quiabo, beterraba, amendoim e amêndoas são ricos nesse importante mineral.

Compartilhe essa ideia:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *